quinta-feira, 29 de março de 2012

Saudades... Desabafos


"O tempo vai passando... inevitavelmente as saudades vão aumentado. Vou aceitando, me confirmando mas isso não quer dizer que não sinta saudades.
Penso em todos os nossos momentos, em todas as nossas conversas, em tudo o que idealizei para nós. Fiz planos ... sonhos...
Admito que não pensei que fosse este o fim. A nossa cumplicidade era gigante, passávamos horas a conversar sobre o mundo, sobre a vida, sobre as pessoas, sobre tudo... Foste o meu pilar na altura que mais precisei. Deste me a força para lutar, seguir em frente... só não me sabia é que tinha que fazer isso tudo sem ti.
Não sei o que me espera... a vida é uma constante incógnita, vou lutando todos os dias para te esquecer, para resistir a não te mandar mensagens, não te ligar, não falar contigo.
Sei que tomei a atitude certa, sei que agi na hora H. Não sei se tomas-te a decisão certa... continuo a achar que não.
O Tempo vai me ajudar a transformar a saudade em recordações.
Continuo a achar que podíamos remar os dois na mesma direcção e que iríamos ser muito felizes. "

Sem comentários:

Enviar um comentário