quinta-feira, 29 de agosto de 2013

"Diz-se que as pessoas aprendem a perder o apego às coisas que sabem que vão perder. Ou que deveriam aprender. Mas eu acho que não aprende nada. Apenas se deixa de querer aquele tempo - o agora ou o amanhã, não interessa - para se passar a querer outro." - MEC


Tenho andando OFF... em modo férias. Algarve com a família!
Como tem sido bom estes dias, o sol em que está armado em difícil e as vezes lá se esconde. Antes assim que sol em excesso, ja tenho uma cor de meter inveja. Sexta volto para cima e Terça regresso.

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Ferias

E já é sexta feira, o tempo voa quando se esta de férias. 
Tem sido óptimas. Fui na segunda em direcção a Vila Nova de mil fontes. Na Terça ao fim do dia fomos em direcção a Sul e conhecemos a praia da zambujeira e de almograve. Na quarta de manha acordamos e estava o sol escondido, tínhamos ideia de ir passar o dia a Porto covo, mas como o dia não estava simpático decidimos vir para cima calmamente, Sao torpes, Sines, foram alguns sítios pelo que passamos. Acabamos por ir parar à comporta, ali o tempo apesar do vento ajudou a umas horinhas de sol. E acabou a aventura com a paz de espirito instalada. 

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Temos de querer o melhor para nós.

Fico furiosa quando vejo uma amiga minha, alguém que gosto muito, anular-se por causa de um homem. Fico passada quando vejo  sem força para quererem o melhor para elas. O amor não é tudo, a felicidade sim! Tem de andar sempre em busca da nossa felicidade e sermos racionais, percebermos se a pessoa que está ao nosso lado nos dá o que merece, se nos trata bem, se nos faz feliz, se nos preenche. Se não para quê perder tempo? Há uma vida linda lá fora à espera de ser vivida. Não se contentem com o pouco ou com o suficiente!



quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Esta ultima semana de trabalho tenho andando a dar formação a quem me vai susbtituir, 3 estagiarios. Ensinar tudinho, ando exausta.  Vale me as 3 semanas que vêm ai de férias...

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Só porque para a semana vou de férias, toca a trabalhar que nem uma doida na semana antes!!! Ai Férias como vos quero!

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Ir morar por uns tempos para outro pais africano obriga te a pensar em muita coisa, uma delas é ROUPA.
Vou viver para Angola em que a temperatura mais baixa anda à volta dos 25ºC. Tenho muita roupa de Verão... mas para TRABALHAR? Nãooooo .
Calças de ganga, mini saias, calções curtos, grandes decotes,  nem pensar... roupa de verão formal, decente para trabalhar... tenho muito pouca ou nenhuma. 
Ontem comprei um macacão largo, branco com padrões africanos, uma saia pelos joelhos tipo linho. Hoje na stradivarius comprei umas calças azuis escuras largas tipo ceda e uma camisa super gira em SALDOS. Adoro quando encontro algo que adoro em saldos.
Nos próximos dias vou tirar a minha roupa toda e ver o que posso conjugar para trabalhar e o que não dá.

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Tenho o coração e a cabeça à chapada.

Incrivel como a minha vida mudou num mês... diria que nada ficou igual. 

1 - Recebi um convite para traalhar em Angola e vou... daqui a 2 meses mais ou menos.
2- Apareceu uma pessoa na minha vida, que provavelmente é tudo o que sempre quis.

Como é obvio uma coisa acaba por prejucar a outra... e como é obvio o meu trabalho é a minha prioridade, até porque jamais, em tempo algum, abdicaria dele em função de alguém, que apesar de até poder ser o tal, está na minha vida há muito pouco tempo. 

E começam a cabeça e o coração à chapada, conflito interpessoais constantes. Falo como ele, e tem sido incansável, dá-me todo o apoio, e acha que resistimos a tudo e a todos, eu tenho os pés mais assentes na terra e acho uma missão quase impossivel. Para ele este sentimento pode já ter algum tempo, para mim é recente, e acho dificil em 2 meses ter um sentimento sólido que me faça aguentar esta distância de 6 meses ou 1 ano... 

Inicialmente, tentei me afastar dele, a minha racionalidade afastou-se. Ele ficou de rastos e não desistiu em falar comigo, estar comigo. Acabei por me render e estamos juntos ... não lhe posso dar o que ele pretende neste momento, nem quero jamais que ele deixe de fazer  o que for por minha causa enquanto estiver fora, não faço ideia o que pode acontecer comigo longe. 

Neste momento penso que mais vale aproveitar o máximo de tempo que temos enquanto cá estiver e sofrer um pouco mais longe dele do que ir para lá a pensar no que podia ter feito e não fiz! 

O que fariam se fosse com vocês? é tão complicado esta situação. Ele faz me sentir a pessoa mais especial do mundo, dá me a maior segurança do mundo.. o estranho é que tenho mais confiança no sentimento dele do que não meu, que é tão recente....

Acho que se tivermos de ficar juntos ficamos, passe o tempo que passar,  aconteça o que acontecer. 


segunda-feira, 5 de agosto de 2013

" Muita coisa que ontem parecia importante ou significativa amanhã virará pó no filtro da memória. Mas o sorriso (...) ah esse resistirá a todas as ciladas do tempo."



domingo, 4 de agosto de 2013

Desde que decidi ir para Angola que senti uma quebra interior... Sinto-me bem mas quando dou por mim ouço " M.R tu não estás bem pois não?"  Sim estou! Mas na verdade neste momento sinto-me num mundo à parte, sinto que só estou bem onde não estou, sinto que quero paz e sossego, as vezes nem me apetece falar, apenas silencio e paz. Não percebo o que se passa porque não sou nada assim... acho que é o meu interior a habituar-se à ideia da distância, da saudade, da ausência. É estupido, mais do que nunca devia querer aproveitar cada minuto, e quero, mas no meu canto.