segunda-feira, 30 de setembro de 2013



1 comentário:

  1. Nenhuma de nós percebe... coisas do coração arrumam connosco.

    Beijinho enorme, e um abracinho forte. Apertado.

    ResponderEliminar