quinta-feira, 16 de abril de 2015

Forma de encarar a traição

Estes dias tenho andado focada num blogue de uma amiga minha, amiga de secundário que estávamos  há  imenso tempo sem falar.
Era minha cliente, veio ter comigo como nutricionista, perdeu 15 kg, estava super contente e de repente desapareceu. Confesso que não me debrucei muito no assunto, entretanto fui para Angola, disse-lhe que reencaminhava o caso dela para outra colega que confio, mas o que é certo é que nunca mais apareceu.

Falou comigo a semana passada no facebook, meia troca de palavras e percebi que estava em depressão, mas daquelas graves.  Engordou 20 kg, tem vergonha de me ver e ai fez se um alarme em mim! Vergonha de me ver?
O namorado dela de 7 anos acabou com ela há um ano, traiu-a, ficou com a outra.  Algo nunca visto? Algo inacreditável? algo inaceitável?

Foi ao fundo, refugiou-se na comida, tentou se matar, não aceita como ele lhe fez isso, como a traiu, como a magoou daquela maneira.

Há um misto de sentimentos em mim em relação a isto.
1 - Não acontece as pessoas apaixonarem se por outras?
2 - Têm mesmo que trair? não conseguem fazer as coisas como deve ser? " olha conheci uma pessoa, mexeu comigo, o meu sentimento por ti não é o mesmo, vamos acabar"
3 - Como se deixou ir ao fundo desta maneira e não lutou por ela?
4- É difícil entender que o ser humano é uma merda? é assim tão incompreensível?
5 - Não deveria ele quando percebeu que se estava a deixar levar, fazer STOP e ir para aquela que supostamente amava e que lhe amava?
6- Será ele um monstro porque se deixou levar?
7 - Será ela fraca por não entender?

Isto é tão complicado!

O que ele fez foi muito incorrecto  mas infelizmente é ser humano não me surpreende.

Tenho outra amiga minha exactamente na mesma situação. Também foi a baixo, sofreu muito, mas hoje consegue perdoa-lo, consegue perceber que ele não é um monstro, apenas de apaixonou por outra, que fez as coisas de forma errada  porque estas situações são difíceis de lidar.
Realmente a nossa felicidade só depende de nós, da forma como lidamos como as situações, encaramos os problemas, vemos e compreendemos as coisas,  encaixamos o mundo de forma clara, sem fundamentalismos e sem acharmos que os Homens são perfeitos. UI tão errado...

1 comentário:

  1. Claro que a atitude dele é completamente inaceitável. Mas depende de nós conseguirmos ultrapassar estes obstáculos. Espero que a tua amiga recupere.

    ResponderEliminar