terça-feira, 7 de outubro de 2014

Hoje a minha colega que me vai substituir em Angola soube a data de ida. E chora e chora e chora e a mim parte me o coração porque sei exactamente o que está a sentir.
Tenho de dar optimismo, ela vai em melhor condição que eu, já tem equipa e clínica montada, não vai totalmente para um desconhecido, mas custa deixar a nossa vida para trás, custa tanto.
E o pior ainda está para vir infelizmente, a saudade é uma dor horrível.

Sem comentários:

Enviar um comentário