terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Adoro - MRP

"Pega no telefone e liga-lhe, não tens nada a perder. Diz-lhe que tens saudades dele, que ninguém te faz tão feliz, que os teus dias são frios e tristes quando não estão juntos. Pega no telefone e liga-lhe. Se ele não atender, deixa-lhe uma mensagem. Ou então escreve-lhe uma mensagem a dizer que queres estar com ele. Não te alongues nem elabores, os homens nunca percebem o que queres deixar cair na
s entrelinhas. Tens de ser clara e não podes ter medo, porque o medo é o maior inimigo do amor.
A vida é uma incógnita, hoje estás aqui, amanhã podes ficar doente, ou cair-te um piano em cima quando fores a andar na rua. Ainda há pessoas que atiram pianos pela janela, sabias? Não sabes como será o dia de amanhã, por isso não percas tempo: pega no telefone e liga-lhe. Tenho a certeza que ele te vai ouvir, tenho a certeza que ele te vai ajudar, tenho a certeza que ele, à sua maneira ainda gosta de ti. Mesmo que já não te ame, ainda gosta de ti, como tu vais aprender a gostar dele, quando a vida te obrigar a desistir deste amor.
Ainda que não acredites, tu viverás para sempre nele, tal como ele vive em ti, na memória das tuas células, num passado que pode ser o teu escudo, mesmo que não seja o teu futuro.
Pega no telefone e liga-lhe. Fala com ele de coração aberto, diz-lhe que o queres ver, chora se for preciso, pede-lhe que te diga se sim ou se não. Se for preciso, por mais que te custe, pede-lhe para te escrever a palavra NÃO. Pede-lhe uma resposta para o teu coração. Mais vale saberes que acabou tudo do que viveres com as laranjas todas no ar, sem saberes quando elas vão cair.
Só não fiques quieta, à espera que a vida te traga respostas. A vida é tua, tens de ser tu a vivê-la, não podes deixar que ela passe por ti, tu é que passas por ela. E quando todas as laranjas caírem, apanha-as com cuidado, guarda-as num cesto, leva-as para casa e faz um bolo de saudades para esquecer a mágoa.
E nunca deixes de sonhar que, um dia, tal como eu, vais encontrar alguém mais próximo e mais generoso, que te ensine a ser feliz, mesmo com todas as pedras que encontrarem no caminho.
Larga as laranjas e muda de vida. A vida vai mudar contigo"

4 comentários:

  1. Como a vida é!! Até as lágrimas me vieram aos olhos quando li este post. Já acompanho o blog à algum tempo; e estou neste momento a passar por uma situação muito semelhante. Vivo numa ansiedade tremenda; ando por todo o que é lugar e só o vejo a ele; vou a conduzir e olho pelo espelho retrovisor e parece-me, que é ele que vem atrás a conduzir... meu Deus, eu sei lá!! E atenção, não sou adolescente, já vou nos trinta e tal. Já não sou, mas pareço uma. Deito-me a pensar nele, acordo a pensar nele. Parece bom, mas não é; é horrível :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Miranda :) Sei perfeitamente como te estás a sentir... felizmente no meu caso a pior fase já me passou um pouco, o tempo ajuda! Agora houve uma reaproximação e não está ser fácil de gerir. O que tiver que ser será. Força! beijinho e Bem vinda|

      Eliminar
  2. eu que até nem vou muito à bola com a senhora, gosto de diversos textos dela... Este é um dos meus preferidos!

    ResponderEliminar